3 de dezembro de 2020
Fut Milionário
Fut Milionário
Após uma lesão que o deixou dois anos fora das quadras e a ponto de minar sua carreira no tênis, o brasileiro Bruno Soares decidiu investir em um plano antigo: jogar duplas. Em um ano, pulou da 133ª posição para a 14ª no ranking da categoria na ATP. Neste domingo, com o vice-campeonato em Madri, bateu na porta do seu principal objetivo atual: o top 10. A boa campanha no torneio espanhol chegou lhe rendeu o 11º lugar, melhor colocação em toda sua trajetória. Em conversa com a Folha na zona de jogadores da Caja Mágica, sede do torneio madrilenho, ele disse estar vivendo o melhor momento de sua carreira, na qual o torneio de duplas era seu plano B. Aos 31 anos, contou que não pretende parar antes dos Jogos de 2020, que espera ser sua terceira Olimpíada, depois de Londres e Rio. Leia mais (13/05/2013 - 12h00)

Após uma lesão que o deixou dois anos fora das quadras e a ponto de minar sua carreira no tênis, o brasileiro Bruno Soares decidiu investir em um plano antigo: jogar duplas. Em um ano, pulou da 133ª posição para a 14ª no ranking da categoria na ATP.
Neste domingo, com o vice-campeonato em Madri, bateu na porta do seu principal objetivo atual: o top 10. A boa campanha no torneio espanhol chegou lhe rendeu o 11º lugar, melhor colocação em toda sua trajetória.
Em conversa com a Folha na zona de jogadores da Caja Mágica, sede do torneio madrilenho, ele disse estar vivendo o melhor momento de sua carreira, na qual o torneio de duplas era seu plano B. Aos 31 anos, contou que não pretende parar antes dos Jogos de 2020, que espera ser sua terceira Olimpíada, depois de Londres e Rio.
Leia mais (13/05/2013 – 12h00)

Fut Milionário
Fut Milionário

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: